A relação entre a liberdade de expressão e direitos individuais

Texto

Os limites da liberdade de expressão

O que significa, afinal, “liberdade de expressão”, termo usado tantas vezes para dizer coisas muitas vezes diferentes? Significa que alguém pode dizer o que quer, a qualquer hora e lugar? Ou sua expressão deve ser limitada pela sociedade?
Segundo juristas, a liberdade de expressão é importante porque viabiliza outros direitos. Com ela, é possível reivindicar, protestar, criticar, avaliar relações e garantir um melhor controle social pela população.
Há vários tipos de limites, principalmente quando há colisão com outros direitos, como o de privacidade, a proteção da reputação ou o direito da criança e do adolescente. A questão complicada é saber até que ponto a liberdade de expressão contempla as manifestações que podem ofender. Isso é sempre objeto de controvérsia.
Em um primeiro olhar, a zona limite para a expressão estaria na ofensa. Mas, fosse só isso, qualquer manifestação de certezas distintas poderia facilmente ofender crenças e convicções.
Segundo Zuenir Ventura, jornalista e imortal da Academia Brasileira de Letras, “a liberdade de expressão absoluta talvez seja uma utopia: não existe nem dentro de nossa casa. Mas numa sociedade democrática, os seus limites só podem ser determinados por leis, pela Justiça, que é a instância a que se deve recorrer.”
Disponível em: . Acesso em: 12 maio 2015. Adaptado.

O texto apresenta algumas reflexões sobre o tema “liberdade de expressão”.

Tomando-as como ponto de partida, elabore um texto dissertativo-argumentativo em que você discuta a questão
e expresse sua opinião acerca da relação entre a liberdade de expressão e os direitos individuais. Justifique sua opinião com argumentos.