CONCORDÂNCIA NAS PROVAS DE CONCURSO - FCC

CONCORDÂNCIA NAS PROVAS DE CONCURSO - FCC

Prezados concursandos, o nosso artigo de hoje abordará os principais casos de Concordância exigidos na FCC. Vale salientar que tais casos também têm predominância nas instituições Cespe e Esaf. Atenhamo-nos aos principais casos de concordância exigidos nas provas de Língua Portuguesa das principais bancas.

1. Regra Geral
O verbo deverá concordar com o sujeito em número e pessoa.
O grau de instrução dos processados, com certa segurança, se invocados os próprios dados governamentais acerca da pirâmide seletiva, permite induzir que a extração social dos envolvidos na resistência era predominantemente de classe média.

Neste caso, pode-se perceber que o verbo concorda com o sujeito em número e pessoa. Acreditem, amigos concursandos, a regra geral é a mais cobrada em provas de Língua Portuguesa dos concursos públicos.

2. O pronome SE apassivador
O verbo deverá concordar com o sujeito paciente em número e pessoa.
Em muitos casos de vandalismos, frequentes nessas manifestações, vê-se, na realidade, a ausência de um propósito político que possa conduzir o indivíduo a um patamar de reivindicação. O foco é tão somente agredir. 
Diante desse cenário caótico, vislumbraram-se, mesmo sem o apoio maciço da mídia inicialmente, mudanças no cenário político, o que não foi adiante devido ao rumo equivocado que as manifestações tiveram.

Este caso específico é mais requente nas provas da FCC. Isso não quer dizer que não seja cobrado pelas outras instituições. São exigidos sim. Na FCC, é mais frequente.

3. Verbo Impessoal (HAVER)
O verbo deverá ficar no singular, não podendo se flexionar, salvo o verbo SER ao indicar tempo ou distância, pois poderá concordar com o predicativo.
O verbo HAVER no sentido de EXISTIR, ACONTECER e OCORRER deverá ficar no singular.
Não se poderia afirmar isso. No entanto, parece que há vantagens em ser corrupto neste país.  

É importante perceber que o verbo HAVER no sentido de EXISTIR, ACONTECER e OCORRER torna-se impessoal, no entanto os verbos EXISTIR, ACONTECER e OCORRER são pessoais, devem concordar com o sujeito em número  e pessoa. Para que fique mais claro, devemos entender que o verbo HAVER é transitivo direto e os verbos EXISTIR, ACONTECER e OCORRER são intransitivos 

4. Coletivo + Substantivo no Plural
O verbo poderá concordar com o coletivo no partitivo, ficando no singular, ou com o substantivo no plural, ficando no plural.
A maioria
dos manifestantes não participou de atos de vandalismo.
A maioria dos manifestantes não participaram de atos de vandalismo.

Observação
: havendo uma oração adjetiva, o verbo da subordinada deverá ficar no plural, já que o pronome relativo fará menção ao substantivo no plural.
A maioria dos manifestantes, que gritavam palavra de ordem, não participaram de atos de vandalismo.

Este caso é muito comum nas provas do Cespe,  pelo simples fato de oferecer dupla possibilidade de concordância.

5. Cada um de nós / de vós / de vocês
O verbo deverá ficar no singular
Cada um dos manifestantes exigiu do governo mais transparência em sues investimentos.

Espero que tenha sido claro e conciso neste assunto. Assistam agora ao Artigo por Vídeo e reforcem o conhecimento. Vejam também como proceder na resolução das questões.

Um grande abraço
Bons estudos
Até o próximo artigo

Professor Marcelo Braga
  


Facebook

Depoimentos

  • Davi Emanuel

    Grande professor e amigo Marcelo Braga, grato estou por seus imensuráveis ensinamentos, gerando-me excelentes notas de redação nos vestibulares por mim prestados (60 pontos na UECE e 960 pontos no ENEM.

    Leia mais
  • CAROLINA

    Professor Marcelo,

    As preciosas lições aprendidas em suas aulas e em suas correções de redação foram fundamentais para que eu obtivesse a nota máxima na prova do Tribunal Regional...

    Leia mais
  • Daniel Cristiano Fuman
    Há vários anos, presto concursos públicos, já tendo trabalhado em alguns órgãos como IBGE e INSS. Desde quando estava me preparando para o concurso de Técnico Judiciário do TRT-RS, em 2003, percebi a dificuldade de morar no interior e estar distante de bons cursos preparatórios.

    Leia mais
  • Carlos Manoel
    Professor, só para lhe agradecer pela centésima vez. Passei em outro concurso. Depois de passar para auditor SP, acabei de receber a notícia que passei para auditor em BH. Novamente por conta da "sua redação"!!!!!!

    Leia mais
  • Adriana Castro Araújo
    Grande Professor Marcelo Braga! Obrigada pelas aulas fantásticas de redação (pela dedicação e paciência também) que me levaram a conquistar a nota máxima na prova discursiva do Ministério da Fazenda realizada pela ESAF. 

    Leia mais
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5