O Pronome como coesão textual

Amigo leitor,

No nosso artigo de hoje, conversarei sobre a importância dos recursos coesivos nas provas de redação (discursivas). Dentre os recursos coesivos, destaco a pronominalização, essencial para evitar repetições desnecessárias e oferecer ao texto uma maior expressividade.

Com  o propósito de que perceba a importância do pronome como recurso coesivo, convido-o a realizar a leitura do texto abaixo:

As catástrofes ambientais  já são uma consequência dos efeitos do aquecimento global, tão discutido em conferências internacionais. Essas conferências, até agora, de nada adiantaram.  Devemos aceitar o aquecimento global como uma realidade. Conviveremos com a realidade, mas precisamos combater o aquecimento global a fim de as novas gerações sofrerem menos com o  impacto do aquecimento global.

Diante desse texto, amigo leitor,  posso afirmar que se trata de uma boa produção? Certamente, você responderá que não, porquanto se apresenta muito repetitivo. Muita gente acredita que a repetição leva o candidato à perda de pontos. Na verdade, isso não ocorre. Não é a repetição a responsável pela perda pontos, mas a ausência de elementos coesivos. O texto dessa natureza permite ao leitor perceber o quanto o produtor desconhece a coesão textual. O desconhecimento dos recursos coesivos levará o produtor à perda de pontos na redação.

Como, então, Professor Marcelo Braga, melhorar o texto acima, evitando as repetições? Muito prático,  amigo estudante. Farei uso do recurso coesivo denominado de pronominalização. Isso quer dizer que empregarei os pronomes.

Atenha-se ao novo texto:

As catástrofes ambientais  já são uma consequência dos efeitos do aquecimento global, tão discutido em conferências internacionais, que, até agora, de nada adiantaram.  Devemos aceitá-lo como uma realidade com a qual conviveremos, mas precisamos combatê-lo a fim de as novas gerações sofrerem menos com o seu impacto.   

Os pronomes utilizados evitaram as repetições e ofereceram ao texto uma melhor expressividade. Sem dúvida alguma, a leitura é outra. Parece que estamos diante de um novo texto.

É isso aí
Até o próximo artigo
Professor Marcelo Braga


Facebook

Depoimentos

  • Davi Emanuel

    Grande professor e amigo Marcelo Braga, grato estou por seus imensuráveis ensinamentos, gerando-me excelentes notas de redação nos vestibulares por mim prestados (60 pontos na UECE e 960 pontos no ENEM.

    Leia mais
  • CAROLINA

    Professor Marcelo,

    As preciosas lições aprendidas em suas aulas e em suas correções de redação foram fundamentais para que eu obtivesse a nota máxima na prova do Tribunal Regional...

    Leia mais
  • Daniel Cristiano Fuman
    Há vários anos, presto concursos públicos, já tendo trabalhado em alguns órgãos como IBGE e INSS. Desde quando estava me preparando para o concurso de Técnico Judiciário do TRT-RS, em 2003, percebi a dificuldade de morar no interior e estar distante de bons cursos preparatórios.

    Leia mais
  • Carlos Manoel
    Professor, só para lhe agradecer pela centésima vez. Passei em outro concurso. Depois de passar para auditor SP, acabei de receber a notícia que passei para auditor em BH. Novamente por conta da "sua redação"!!!!!!

    Leia mais
  • Adriana Castro Araújo
    Grande Professor Marcelo Braga! Obrigada pelas aulas fantásticas de redação (pela dedicação e paciência também) que me levaram a conquistar a nota máxima na prova discursiva do Ministério da Fazenda realizada pela ESAF. 

    Leia mais
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5